Passo a passo

COMECE AQUI

PASSO 1 – Tire fotos ao espaço.

PASSO 2 – Comecemos pelo destralhe e limpeza:

  • Retire todo o conteúdo. Coloque tudo para fora da garagem e da arrecadação. Se não tiver muito espaço exterior, pode dividir por zonas começando por um lado primeiro e depois passando ao outro. À medida que for retirando aproveite para ir já agrupando: brinquedos, ferramentas, campismo, malas, roupa, etc.
  • Faça uma limpeza. Aproveite para varrer o espaço e limpar prateleiras, armários, etc.
  • Escolha o que é para ficar. Está na hora de tomar decisões sobre todos os objetos que tem guardados. Dentro das categorias que foi criando, vai rever objeto a objeto.
    1. Use os cartões de destralhe disponíveis na aula de destralhe para ajudar a dar um destino aos objetos: lixo, ficar, guardar, doar, etc.
    2. Verifique o estado geral de cada objeto: uso isto, preciso, está partido, está avariado, está em bom estado, tem arranjo, funciona?  Desfasasse de objetos estragados ou se tiverem arranjo, garante que os coloca a arranjar. Não os volte a guardar!
  • Retire fisicamente tudo o que não quer que fique para fora da garagem e da arrecadação antes de passar ao próximo passo. Coloque em sacos ou caixas, e se possível já identificados com o seu destino.

PASSO 3 – Vamos organizar! Com a escolha feita do que fica e tudo limpo, está na hora de começar a organizar. Ou seja, encontrar o sítio certo para cada coisa. O ideal é que crie um plano de ação de acordo com o objetivo de utilização que quer dar a esse espaço. 

  • Faça um plano:  a ideia de traçar um plano é definir como quer organizar o espaço tendo em conta a utilização que quer fazer do espaço.
    1. Se por exemplo só quer usar o espaço para guardar objetos, pense como pode criar arrumação usando estantes e caixas para manter tudo organizado.
    2. Se o seu objetivo é usar o espaço para arrumar objetos mas também para trabalhar – por exemplo, ter uma bancada para ferramentas etc., desenhe o espaço tendo isso em conta.
    3. Neste plano deverá fazer o desenho do espaço e criar zonas específicas para cada objeto.
      • Tenha em consideração a utilização que faz dessa categoria para encontrar o sítio certo. Já sabe: se usa mais, tem de poder aceder a esse objeto com facilidade. Se usa só uma vez por ano (a árvores de natal), pode guardar num sítio menos acessível.
      • Alguns exemplos de zonas são:
        • Ferramentas
        • Jardinagem e decoração exterior
        • Roupa
        • Decoração (natal, pascoa, etc).
        • Viagem (malas, sacos)
        • Desporto (bicicletas, bolas, patins, raquetes)
  • Algumas dicas para tirar partido do espaço disponível:
    • Regra clara para garagens e arrecadações: o espaço disponível é a baliza que tem de ter para saber quando não pode colocar mais objetos nesse espaço.
    • Use estantes robustas – para ganhar espaço na vertical. Não se esqueça: coloque objetos mais pesados em baixo e os mais leves em cima.
    • Use painéis de parede para pendurar tudo o que necessita de ter mais à mão, por exemplo, ferramentas.
    • Caixas de plástico – são perfeitas para organizar tudo e mais alguma coisa. Invista em caixas resistentes e não se esqueça de identificar o conteúdo! 
    • A garagem ou a arrecadação é o local perfeito para usar suportes de teto. 
    • Use armários com portas e fechaduras para guardar produtos perigosos e tóxicos, em especial se tem crianças ou animais. 
    • Use ganchos e cestos de arame para organizar objetos nas paredes ou pendure das estantes.
    • Certifique-se de que tem iluminação adequada neste espaço para mais facilmente encontrar o que procura.

PASSO 4 – Agora que está tudo organizado, volte a tirar fotos e compare o antes e depois. Que tal? Muita diferença. Mas o mais importante de tudo é que sinta diferença nas suas rotinas.